Marque aqui a Consulta
Clique aqui
MENU

10 dicas para transportar o seu gato na visita à clínica



10 dicas para transportar o seu gato na visita à clínica


Para que as visitas ao veterinário sejam menos stressantes para o seu gatinho, damos-lhe 10 dicas simples que ajudarão a tornar as visitas ao Veterinário mais fácveis e agradáveis:
 
1) Nunca viaje com o seu gato sem o colocar na transportadora!
 
2) Escolha uma transportadora robusta que se abra a partir do topo e na parte dianteira:
 
A transportadora deverá ser facilmente desmontável de preferência com uma parte superior amovível para permitir retirar ou examinar facilmente o animal. Concentre-se nos aspectos práticos e funcionais da transportadora antes da estética.
 
3) Em casa, deixe a transportadora num local ao alcançe do gato de forma a que se torne familiar.
 
4) Torne o transporte o mais familiar possível:
 
Coloque algumas peças de roupa com o seu cheiro ou do gato, de forma a que o ambiente seja familiar, borrifar a roupa e a transportadora com ferormonas cerca de 30 minutos antes da viajem também é um bom conselho.
 
Não se esqueça que o seu gato pode estar doente ou nervoso e sujar a transportadora poderá ser uma boa ideia ter uma peça de roupa extra para o regresso!
 
5) Se o seu gato não entrar espontaneamente na transportadora, deve colocá-lo calmamente através da abertura superior, lutar com o animal para que este entre pelo pequeno orifício frontal da transportadora não é uma boa ideia...
 
6) Uma vez no carro, evite que a transportadora seja abanada durante o percurso colocando-a no banco de trás com o cinto de segurança. Evite música alta e fale calmamente com ele para o tranquilizar, alguns gatinhos gostam de ver o percurso mas a maioria prefere ir com a transportadora virada de costas para as janelas ou tapada com uma toalha.
 
7) No caminho do carro para o Hospital evite bater com as pernas na transportadora ou abaná-la em demasia.
 
8) Na receção do Hospital coloque a transportadora num local adequado com a face frontal virada para si de forma a que o gato fique mais tranquilo. Evite colocar a transportadora diretamente no chão e ao lado de animais que o poderão stressar (Cães, gatos nervosos, etc).
 
9) Cumpra este protocolo na ida para casa!
 
10) Por último se tiver vários gatos e principalmente após visitas prolongadas ou internamentos, deixe o seu gato na trasportadora durante uns minutos para estudar a reacção dos restantes animais, caso não estejam tranquilos, poderá ser aconselhável separar o gato transportado numa sala isolada durante umas horas para que volte a ter um cheiro familiar.
 



Voltar

" Temos como missão, Salvar vidas todos os dias. "

©2021 Hospital Veterinário Vasco da Gama. Todos os direitos reservados

Declaração de Privacidade Global

Declaração Legal Global

Livro de Reclamações

Powered by CODEZONE

clinica veterinaria clinica veterinaria alverca hospital veterinario veterinario lisboa clinica veterinaria alverca urgencias veterinarias veterinario lisboa urgencia veterinario povoa de santa iria veterinario alverca veterinario urgencias veterinario odivelas